Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.fei.edu.br/handle/FEI/3272
Title: Escalas de avaliação de dor em recém-nascidos: um estudo sobre características faciais e rastreamento ocular
Authors: Tamanaka, Fernanda Goyo
Advisor: Thomaz, C. E.
Issue Date: 2021
Abstract: Recém-Nascidos (RNs) sentem dor e quanto mais prematuros, mais imaturos são seus sistemas de atenuação da dor. A mímica facial é um método não invasivo para identificar e avaliar a dor em RNs. Neste contexto, esta dissertação propõe e realiza uma revisão sistemática de 52 escalas clínicas que usam a mímica facial como um dos parâmetros de avaliação de dor em RNs para detalhar quais áreas da face do neonato são mais referenciadas na prática clínica para identificar a dor. Adicionalmente, esta dissertação compara quantitativamente a relevância entre essas áreas faciais revisadas com achados recentes da percepção visual de 143 voluntários, especialistas ou não, durante a avaliação da dor de 20 imagens faciais de RNs. De modo geral, os resultados mostram que áreas comumente não referenciadas pela literatura, como nariz e bochechas, foram, porém, observadas pelos voluntários durante a avaliação de dor, sendo o nariz a área mais visualizada. Além disso, todos os participantes, sejam especialistas ou não, mostraram forte correlação entre si para as mesmas áreas faciais percebidas visualmente, mas não com as escalas clínicas. Como trabalhos futuros, sugere-se desenvolver um sistema de classificação de dor que contemple uma avaliação ponderada, não somente, das áreas faciais predominantes referenciadas na literatura, mas também das áreas faciais de maior relevância na percepção visual de profissionais de saúde, proporcionando complementariedade entre conhecimento clínico e percepção humana para avaliação de dor em RNs.
Newborns (NBs) feel pain and the more premature they are, more immature their pain attenuation system. Facial expression is a non-invasive method to identify and evaluate pain in NBs. In this context, this study proposes and implements a systematic review of 52 scales that use facial expression as one of NBs pain evaluation parameters. Additionally, this study quantitatively compares the relevance between these reviewed facial areas with visual perception 143 volunteers recent findings, either experts or not, during 20 NBs facial images pain evaluation. Overall, the results show that areas commonly not referenced by the literature, such as nose and cheeks, were observed by the volunteers during pain evaluation, with the nose area being the most visualized. Furthermore, all participants, either experts or not, showed strong correlation between each other with essentially the same facial areas visually perceived, but not with the clinical ones. As future works, it is expected to develop a pain classification system that not just contemplates the evaluation of facial areas mentioned in the literature, as also the greatest relevance facial areas in the adults visual perception, in order to provide the health professional the best decision making in the NBs evaluation and treatment.
Keywords: Recém-nascidos
Expressão facial
Escalas de dor
Eye-tracking
Correlação de Kendall
Publisher: Centro Universitário FEI, São Bernardo do Campo
Citation: TAMANAKA, Fernanda Goyo. <b> Escalas de avaliação de dor em recém-nascidos: </b> um estudo sobre características faciais e rastreamento ocular. São Bernardo do Campo, 2021. 108 p. Dissertação (Mestrado em Engenharia Elétrica) - Centro Universitário FEI, São Bernardo do Campo, 2021. Disponível em: https://doi.org/10.31414/EE.2021.D.131352.
DOI: https://doi.org/10.31414/EE.2021.D.131352
URI: https://repositorio.fei.edu.br/handle/FEI/3272
Appears in Collections:Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
fulltext.pdf8.89 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.