Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.fei.edu.br/handle/FEI/3345
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.rights.licenseCreative Commons "Este é um artigo publicado em acesso aberto sob uma licença Creative Commons (CC BY 4.0). Fonte: https://www.scielo.br/j/gp/a/H9r8h3vZcWt5pMhJLvDRkmx/?lang=en. Acesso em: 28 set. 2021.-
dc.contributor.authorCAVATA, J. T.-
dc.contributor.authorMASSOTE, Alexandre Augusto-
dc.contributor.authorMAIA, Rodrigo Filev-
dc.contributor.authorLIMA, Fábio-
dc.date.accessioned2021-09-28T20:33:17Z-
dc.date.available2021-09-28T20:33:17Z-
dc.date.issued2020-07-29-
dc.identifier.citationCAVATA, J. T.; MASSOTE, Alexandre Augusto .; MAIA, Rodrigo Filev; LIMA, Fábio. Highlighting the benefits of Industry 4.0 for production: an agent-based simulation approach. GESTÃO & PRODUÇÃO, v. 27, n. 3, p. 1-35, 2020.-
dc.identifier.issn1806-9649-
dc.identifier.urihttps://repositorio.fei.edu.br/handle/FEI/3345-
dc.description.abstractOs conceitos de Manufatura Avançada ou Indústria 4.0 trazem novos avanços e desafios a serem aplicados nos processos industriais atuais. Tais conceitos nem sempre são bem compreendidos, assim como os seus resultados no desempenho da produção podem não estar claros. Esse trabalho propõe a comparação entre um modelo de manufatura convencional e um modelo de manufatura avançada, ambos modelados por sociedades multiagentes. Na simulação da manufatura convencional, os agentes seguem os tempos definidos de cada processo, incluindo a manutenção. Na simulação da manufatura avançada, a decisão de quando parar um equipamento para manutenção é definida por um agente de acordo com dados recebidos de sensores e as definições dos processos. Os resultados indicam um aumento significativo na utilização dos equipamentos e como consequência uma maior produção no mesmo intervalo de tempo. A simulação dos processos claramente indica que a aplicação dos conceitos de manufatura avançada na indústria é relevante para aumentar a eficiência dos processos de produção. Dentre os conceitos principais introduzidos no modelo de manufatura avançada estão a Internet das Coisas (IoT), Sistema Físico-Cibernéticos (CPS) e a Inteligência Artificial (IA). Os modelos gerados são computacionalmente simulados usando a simulação baseada em agentes a partir do programa AnyLogic. Os resultados obtidos devem contribuir para incentivar pequenas e médias empresas (SME) a adotarem os conceitos de Indústria 4.0 nos seus negócios.-
dc.description.abstractOs conceitos de Manufatura Avançada ou Indústria 4.0 trazem novos avanços e desafios a serem aplicados nos processos industriais atuais. Tais conceitos nem sempre são bem compreendidos, assim como os seus resultados no desempenho da produção podem não estar claros. Esse trabalho propõe a comparação entre um modelo de manufatura convencional e um modelo de manufatura avançada, ambos modelados por sociedades multiagentes. Na simulação da manufatura convencional, os agentes seguem os tempos definidos de cada processo, incluindo a manutenção. Na simulação da manufatura avançada, a decisão de quando parar um equipamento para manutenção é definida por um agente de acordo com dados recebidos de sensores e as definições dos processos. Os resultados indicam um aumento significativo na utilização dos equipamentos e como consequência uma maior produção no mesmo intervalo de tempo. A simulação dos processos claramente indica que a aplicação dos conceitos de manufatura avançada na indústria é relevante para aumentar a eficiência dos processos de produção. Dentre os conceitos principais introduzidos no modelo de manufatura avançada estão a Internet das Coisas (IoT), Sistema Físico-Cibernéticos (CPS) e a Inteligência Artificial (IA). Os modelos gerados são computacionalmente simulados usando a simulação baseada em agentes a partir do programa AnyLogic. Os resultados obtidos devem contribuir para incentivar pequenas e médias empresas (SME) a adotarem os conceitos de Indústria 4.0 nos seus negócios.-
dc.relation.ispartofGESTÃO & PRODUÇÃO-
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectManufatura avançada-
dc.subjectIndústria 4.0-
dc.subjectSistemas Ciber Físico-
dc.subjectSistemas Multi-Agentes-
dc.subjectSimulação-
dc.subjectSmart manufacturing-
dc.subjectIndustry 4.0-
dc.subjectCyber Physical Systems-
dc.subjectMulti-Agent Systems-
dc.subjectSimulation-
dc.titleHighlighting the benefits of Industry 4.0 for production: an agent-based simulation approachpt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.identifier.doi10.1590/0104-530x5619-20-
dc.contributor.authorOrcidhttps://orcid.org/0000-0002-3467-1879-
dc.contributor.authorOrcidhttps://orcid.org/0000-0003-4870-3429-
dc.contributor.authorOrcidhttps://orcid.org/0000-0002-5500-3191-
dc.description.volume27-
dc.description.issuenumber3-
dc.description.firstpage1-
dc.description.lastpage35-
Appears in Collections:Artigos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Massote_pdf.pdf1.24 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.