Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.fei.edu.br/handle/FEI/3365
Title: IMPACTO SOCIAL DA MINERAÇÃO: UMA COMPARAÇÃO ENTRE A PERCEPÇÃO DA EMPRESA E A DA COMUNIDADE: Social impact of mining: a comparison between the the company's and the community's perception
Authors: GEROTTO, Gisela
PISANO, Viviane
DEMAJOROVIC, Jacques
ALEDO, Antonio
SANTIAGO, Ana Lucia
Issue Date: 20-Dec-2019
Abstract: O objetivo desta pesquisa é compararapercepção de uma comunidade sobre osimpactos sociais de um projeto minerário e apercepção da empresa responsávelpelo projeto. Osinstrumentospara alcançar este objetivo foramaAvaliação de Impacto Social proposto por Aledo e Domínguez-Gómez(2018) e aproposta de categorização de impactos da mineração de Mancini e Sala (2018). Ametodologia incluiu arealização de entrevistas e de duas oficinas com representantes da mineradora e da comunidade. Osresultados da pesquisa mostram queoprocesso de seleçãode impactos por parte da empresa foca nos mais imediatos,muitas vezes com viés dos riscos para o negócio,associados àausência e ineficiência do poder público em apoiar projetos de desenvolvimento local. Já o olhar da comunidade avança além dos impactos mais imediatos,como oferta e qualidade da água e queda na produção agrícola,para questões subjetivas e culturais associadas aos processos de mudança. Infere-se queavisão parcial dos impactos por parte da empresa fragiliza aestratégia de projetos sociais compensatórios. Asquestões mais profundas associadas aos impactos,como aperda do sentimento de coletividade e o impacto do processo migratório no esgarçamento dos laços familiares são desconsideradas na escolha e implementação de projetos na comunidade
The purpose of this research is to compare acommunity's perception of amining project's social impacts and the perception of the company responsible for the project. The instruments to achieve this were the Social Impact Assessment proposed by Aledo and Domínguez-Gómez (2018) and the proposed categorization of mining impactsby Mancini and Sala (2018). The methodology included interviews and two workshops with representatives of the mining company and the community. The results show that the company's process of selecting impacts focuses on the most immediate, often business-biased risks associated with the government's absence and inefficiency to support local development projects. The community's view, however, goes beyond the most immediate impacts, such aswater supply and quality aswell asthe decrease in agricultural production, towards subjective and cultural issues associated with the processes of change. It is inferred that the partial view of impacts by the company weakens the strategy of compensatory social projects. The deeper issues associated with impacts, such asthe loss of collective sentiment and the impact of the migratory process on the severity of family ties, are disregarded while choosing and implementing projects in the community.
Keywords: Avaliação de impacto social
Mineração
Comunidade local
Risco social
Percepção dos impactos sociais
Social Impact Assessment
Mining
Local Community
Social Risk
Perception of social impacts
Journal: CONTEXTUS - REVISTA CONTEMPORÂNEA DE ECONOMIA E GESTÃO
ISSN: 2178-9258
Citation: GEROTTO, Gisela; PISANO, Viviane; DEMAJOROVIC Jacques; ALEDO, Antonio; SANTIAGO, Ana Lucia. Impacto social da mineração: uma comparação entre a percepção da empresa e a da comunidade. CONTEXTUS - REVISTA CONTEMPORÂNEA DE ECONOMIA E GESTÃO, v. 17, n. 3, p. 139-166, 2019.
Access Type: Acesso Aberto
DOI: 10.19094/contextus.v17i3.42618
URI: https://repositorio.fei.edu.br/handle/FEI/3365
Appears in Collections:Artigos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Demajorovic_pdf412.88 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.